background

Formação

A formação consiste em tempos de formação que contemplam a identidade do Movimento e a identidade do “Leigo”. Para os membros que partem em Missão, a formação também incide, especificamente, sobre as tarefas/acções que lhes vierem a ser atribuídas.

 

A formação para todos os LBN diz respeito, de um modo geral, aos princípios cristãos, éticos e deontológicos bem como ao espírito de solidariedade e fraternidade que deve presidir a todos os compromissos e vida dos Leigos Boa Nova, à metodologia de trabalho, às realidades dos meios locais onde existem comunidades dos Missionários da Boa Nova (e não só) e aos objectivos a atingir com as acções que serão implementadas ou que estão em curso.

 

A formação para àqueles que se preparam para partir em missão, centra-se na capacitação de inserção no meio social, cultural e religioso a que serão destinados, às tarefas/acções locais a que são chamados realizar, à espiritualidade e dinâmica das comunidades Boa Nova, (preparar a vida e o trabalho em equipa, onde o diálogo, a partilha, a ajuda mútua, o respeito pelo outro e o crescimento pessoal e comunitário terão espaço privilegiado. É de salientar que a formação para os Leigos que partem por um período curto (geralmente um a quatro meses) não será a mesma para quem parte por um período de longa duração (um ou mais anos). São temas de formação: Teologia da Missão, Relações Humanas, Desenvolvimento Comunitário e História e Cultura do País.

 

No âmbito de um projecto de longa duração, a realizar num país estrangeiro, o Leigo deverá estar integrado no Movimento e frequentar, pelo menos, durante um ano a formação proporcionada pelo Movimento. No âmbito de um projecto de curta duração, não se exige ao leigo o mesmo nível de integração, mas deverá participar na formação indicada pelo movimento, que terá uma duração mais curta.

 

Os Leigos Boa Nova, como grupo de voluntariado cristão, dão primordial relevo à formação espiritual e ao aprofundamento da fé cristã que há-de animar todos aqueles que partem em missão sendo acompanhados, também, por um formador espiritual.

 

Informação extraída do Capítulo IV do Regulamento Interno